Condições Gerais

As condições gerais abaixo expressas visam a gestão das transações comerciais entre a MACOP, S.A. e os seus Parceiros de Negócio. As presentes condições gerais entram em vigor a 01 de Janeiro de 2017 e serão anualmente revistas ou alteradas sem aviso prévio.

 

1. Condições Comerciais

 

Aos preços de venda definidos e praticados pela MACOP, S.A. é-lhes acrescido IVA à taxa legal em vigor.
As encomendas, com o objetivo de adicionar rigor, deverão ser efetuadas, preferencialmente, por escrito de forma clara e objetiva, através de carta, fax 239 470 189 ou e-mail geral@macop.pt.

 

Encomendas para expedição:

 

a) Interna (nossa viatura): Encomenda mínima de 150€ + IVA. Se inferior, os encargos de entrega são de responsabilidade do parceiro.
b) Externa (transportadora): Tendo em consideração a enorme dispersão, em termos de critério de volume e peso, da maioria dos artigos que comercializamos, define-se que se os encargos de envio (portes) ultrapassarem o valor de 3%, sob o valor líquido da mercadoria, serão suportados pelo parceiro.

 

Encomendas de artigos específicos e com pouca rotação, cuja encomenda seja feita aos nossos fornecedores para satisfação de pedido de nosso parceiro, só serão aceites mediante entrega antecipada de 40 % do valor do produto a adquirir. Este valor, no caso de cancelamento da encomenda, não será devolvido, será utilizado para minimizar o prejuízo originado pelo cancelamento.

 

Encomendas enviadas via transportadora, em caso de cancelamento ou devolução, as despesas de envio serão sempre suportadas pelo parceiro, com o objetivo de partilha de custo diretamente relacionados com o envio.

A entrega de material por expedição interna, obedece a um plano semanal de rotas, previamente elaborado, que pode sofrer alterações sem aviso prévio.

 

2. Condições Financeiras

 

Vendas a crédito (faturas), previamente autorizadas, de acordo com informações recolhidas junto de entidades gestoras de crédito:

 

a) Até 8 dias da data da fatura: 2% de desconto
b) A 30 dias da data da fatura: 1% de desconto
c) A 60 dias da data da fatura: sem desconto

Os descontos de pronto pagamento sobre vendas a crédito só serão aceites se os pagamentos forem recebidos dentro dos prazos referidos, a contar da data da fatura.
O fornecimento de encomendas é suspenso se o limite de crédito concedido for ultrapassado ou se existirem débitos vencidos, incluindo cheques fora dos prazos mencionados.

 

Os pagamentos podem ser realizados por transferência bancária através dos seguintes dados:

 

• MILLENNIUM BCP
IBAN: PT50.0033.0000.00007174039.57
SWIFT/BIC: BCOMPTPL

• CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS
IBAN: PT50.0035.0594.00014688431.07
SWIFT/BIC: CGDIPTPL

 

Nestes casos, solicita-se o envio do comprovativo de transferência, para suporte contabilístico, para geral@macop.pt.

Vendas contra entrega (faturas recibo ou simplificadas), o recebimento será feito no ato de entrega.

 

3. Serviços de Logística, Via transportadora

 

Em encomendas colocadas até às 17h do dia útil, a entrega será efetuada até ao 2º dia útil.

  • Em casos excecionais para encomendas colocadas até às 10h beneficia de entrega no dia útil seguinte.

Em ambos os prazos indicados, a entrega será disponibilizada de acordo com stock em armazém.

Qualquer informação ou dúvida, não hesite em coloca-la, junto de um colaborador comercial, via telefone 239 470 180 ou através do email geral@macop.pt


4. Devolução de Mercadorias

 

Devoluções serão aceites até 5 dias da data do documento de venda. No caso da impossibilidade da devolução até 5 dias deve ser comunicada a intenção de devolver para o e-mail geral@macop.pt ou via fax 239 470 189 até ao 5º dia.

Depois de comunicada a intenção de devolver, dentro dos 5 dias, a devolução do material será aceite até 30 dias do documento de venda.

Todas as devoluções após 30 dias da data da venda, precisam de ser previamente autorizadas pela Direção Comercial (por escrito), que terá sempre em conta a possibilidade de venda, ou não, dos artigos em causa. Também se informa que terão sempre uma desvalorização de 10% sobre o preço líquido da venda e, assim sucessivamente, por cada mês de devolução.